Papa Francisco recebe o diretor-geral da Organização Internacional do Trabalho

Direitos dos trabalhadores estiveram no centro do encontro no Vaticano.

Da Redação, com Agências

diretor da OIT

Durante o encontro foram abordados os problemas trazidos pela globalização / Foto: Rádio Vaticano

O Papa Francisco recebeu nesta segunda-feira, 18,  no Vaticano,  o diretor-geral da Organização Internacional do Trabalho, OIT, Guy Ryder. No encontro privado, foram discutidas questões ligadas aos direitos dos trabalhadores.

Ryder afirmou que a “dignidade” de quem trabalha é uma “preocupação comum” da OIT e da Igreja Católica, com referência particular à situação dos mais vulneráveis, crianças, trabalhadores domésticos e migrantes.

No encontro, entre outros assuntos, foram abordadas as consequências negativas da globalização econômica para os países de economia emergente, colaborando para o aumento da desigualdade social.

“Ambos manifestaram a sua preocupação com as vítimas do tráfico humano”, destacou comunicado da organização sobre a audiência.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo