window.dataLayer = window.dataLayer || []; function gtag(){dataLayer.push(arguments);} gtag('js', new Date()); gtag('config', 'G-EZJ58SP047'); window.dataLayer = window.dataLayer || []; function gtag(){dataLayer.push(arguments);} gtag('js', new Date()); gtag('config', 'G-EZJ58SP047');

DIPLOMACIA

Papa Francisco e Emmanuel Macron conversam ao telefone

O Santo Padre e o presidente da França conversaram sobre a recente visita do Pontífice ao Iraque e sobre o mundo pós-pandemia

Da redação, com Vatican News

Papa Francisco recebe Emmanuel Macron e sua esposa, Brigitte / Foto de arquivo: Reprodução Reuters

O Papa Francisco e o presidente da França, Emmanuel Macron, falaram ao telefone neste domingo, 21, de acordo com um comunicado à imprensa do gabinete do presidente francês, no Palácio do Eliseu.

A convocação, que foi solicitada pelo Pontífice, marca a quinta vez que os dois líderes mundiais falam desde a eleição de Macron em 2017.

A conversa durou cerca de 40 minutos, e ocorreu após o presidente Macron enviar ao Papa uma mensagem por ocasião do 8º aniversário de sua eleição para o papado.

A última vez que ambos se falaram foi no dia 30 de outubro do ano passado, após os atentados à Catedral de Nice, que que tirou a vida de três pessoas.

O ponto de virada com a visita ao Iraque

A assessoria de imprensa do Eliseu informou ainda que, durante, Francisco e Macron falaram longamente sobre a recente viagem apostólica do Papa Francisco ao Iraque.

Macron disse que a visita marcou “uma verdadeira virada” para a região do Oriente Médio.

A dupla também se concentrou em seus “pensamentos e preocupações” acerca de várias crises que afetam diversas partes do globo. Isso incluiu “a expansão do jihadismo na África — tanto na região do Sahel quanto na costa leste do continente”, bem como a situação crítica no Líbano.

Mundo pós-pandemia

Ainda de acordo com o comunicado do Eliseu, o presidente Macron também falou ao Papa sobre os “desafios de um mundo pós-Covid”.

Francisco publicou um livro com a jornalista britânica Austen Ivereigh sobre o assunto, no qual disse que a humanidade tem a oportunidade de construir um mundo melhor após a pandemia.

Logo após o início da pandemia, o Papa criou uma comissão especial do Vaticano contra a Covid-19, a fim de auxiliar a humanidade a pensar sobre os desafios que enfrentará no futuro.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo