Saudade

Uma quarta-feira sem catequese de Bento XVI

Daniel Machado
Enviado especial a Roma

“Hoje, é uma quarta-feira diferente em Roma”, disse um peregrino com os olhos voltados para o local onde, por quase oito anos, Bento XVI nos alimentou espiritualmente com as tradicionais catequeses. Além do céu nublado e uma leve chuva, a cidade também experimenta um clima de saudade neste dia, pois trata-se da primeira quarta-feira sem audiência geral.

Praça de São Pedro na manhã desta quarta-feira (6), Vaticano

Praça de São Pedro na manhã desta quarta-feira (6), Vaticano

Durante o seu pontifícado, Bento XVI fez 348 audiências gerais. Ao longo desse tempo, cerca de 5 milhões de pessoas participaram dessas audiências na Praça de São Pedro. Reflexões sobre vida de oração, Ano Paulino, racionalidade da fé, Ano Sacerdotal, entre outras nos ajudaram a viver uma fé mais profunda, um verdadeiro legado de Bento XVI.

Nesta quarta-feira, um casal de brasileiros estava presente na Praça de São Pedro. Eles não vieram, obviamente, para ver uma catequese, mas sentiram falta de um Papa neste lugar. “A gente percebe que existe um clima de apreensão pelo novo Papa. Particularmente, experamos que seja alguém que dê continuidade à obra de Bento XVI e seja comprometido com a verdade”, disse o casal Ronaldo e Daniela do Rio de Janeiro.

O casal Ronaldo e Daniela presentes na Praça de São Pedro / foto: CN Roma

O casal Ronaldo e Daniela presentes na Praça de São Pedro / foto: CN Roma

Segundo Ronaldo, a renúncia de Bento XVI foi um ato de extrema coragem que poucos souberam entender o seu significado. “Eu mesmo era muito distante da figura de Bento XVI, mas, olhando hoje e vendo o que as pessoas falam, eu percebo que ele foi um mártir da verdade”, expressou o brasileiro.

“Eu escutei a frase de uma freira, aqui em Roma, e achei muito interessante: ‘uma árvore que cai faz mais barulho do que mil que crescem’. A gente sabe que, na Igreja, existem problemas, mas se trata de uma instituição muito grande que possui muito mais coisas boas do que ruins, mas, infelizmente, as pessoas só sabem ficar com o que é ruim”, concluiu Ronaldo.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo