Feira Católica durante JMJ

Canção Nova marca presença na Expocatólica

Feira católica acontece na Cidade da Fé, no espaço RioCentro

Jéssica Marçal,
enviada especial ao Rio de Janeiro

Durante a Jornada Mundial da Juventude, vários eventos estão sendo realizados na cidade do Rio de Janeiro. Só na Cidade da Fé, estrutura montada no RioCentro, acontecem três grandes eventos: feira católica, turismo religioso e o “Bote Fé”. O primeiro, conhecido como ExpoCatólica, tem a Canção Nova entre seus expositores.

Canção Nova marca presença na Expocatólica

Canção Nova marca presença na Expocatólica

O estande da Canção Nova expõe CDs, DVDs, camisetas, livros e diversos acessórios. O auxiliar de coordenação do estande, Márcio Pereira, salientou que o público dessa feira pertence ao segmento do mercado de atacado, como livrarias e distribuidores; no entanto, neste ano, há o diferencial do público voltado ao varejo, tendo em vista a JMJ. Quanto à quantidade e variedade de produtos dessa obra de evangelização, Márcio revelou que houve uma preparação específica, voltada para os peregrinos, pelo fato de o evento acontecer durante a JMJ e atrair mais o público de varejo. “Nós procuramos trazer materiais com imagens do Papa e um lançamento de dois livretos de autoria do Papa Francisco: ‘A oração na ponta dos dedos’ e ‘Com ternura e bondade’, da Editora Canção Nova”.

E destacou um outro fator que é a vinda de pessoas de outras nacionalidades, cuja procura maior é por acessórios, como camisetas, bonés, chaveiros e squeezes, e o fato de a Canção Nova não ter muitos títulos traduzidos para outros idiomas. “Muitas pessoas fora do Brasil conhecem a Canção Nova e querem ter algo dessa obra de Deus, então há esse foco maior também nos acessórios e vestuário”.

Peregrinos na ExpoCatólica

A jovem Alessandra Matos Terra, de Goiânia (GO), é voluntária na JMJ, e ao circular pela feira, salientou a diversidade de produtos, que vão desde materiais litúrgicos às chamadas “lembrancinhas”, como bonés, camisetas e chaveiros.

Para ela, a importância da ExpoCatólica consiste em possibilitar a comercialização e o uso de produtos evangelizadores. “[Esses produtos] Tanto para você usar como para evangelizar ou presentear alguém, porque, às vezes, você quer levar uma lembrança e leva algo do Rio, mas acaba não evangelizando e aqui você encontra as duas coisas: uma lembrança e uma forma de evangelização”.

O colombiano Eric Holano, 26 anos, também foi visitar a feira. Ele acredita que o espaço reúne os católicos em uma só fé, uma só experiência vivida. “É uma mostra de que, apesar de termos tantas culturas no mundo, podemos reuni-las em um só evento, em uma só festa, em uma só harmonia”.

Além disso, ele frisou a possibilidade de poder conhecer o trabalho de outros religiosos, sacerdotes e comunidades leigas. “Isso nos ajuda a ter uma visão grande do que é a Igreja. Todos estamos trabalhando pelo mesmo ideal”.

Os eventos da Cidade da Fé começaram no sábado, 20, e terminam nesta sexta-feira, 26.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo