window.dataLayer = window.dataLayer || []; function gtag(){dataLayer.push(arguments);} gtag('js', new Date()); gtag('config', 'G-EZJ58SP047'); window.dataLayer = window.dataLayer || []; function gtag(){dataLayer.push(arguments);} gtag('js', new Date()); gtag('config', 'G-EZJ58SP047');

Papa leva mensagem de perdão a local marcado por guerra

Marcado por uma recente guerra, o Santuário de Madhu ecoou a mensagem de paz e perdão do Papa Francisco ao Sri Lanka

André Cunha
Da redação

O Papa Francisco esteve, na manhã desta quarta-feira, 14, em Madhu, Diocese de Mannar, especificamente no Santuário dedicado a Nossa Senhora do Rosário. No local, marcado por intensos conflitos de guerra e perseguição aos católicos em anos passados, o Santo Padre levou uma mensagem de conforto aos cidadãos do Sri Lanka, tamis e cingaleses.

papa_multidão sri lanka

Multidão acolhe o Papa Francisco em Santuário mariano / Foto: Reprodução CTV

Na chegada ao local, o Papa foi acolhido pelo bispo de Mannar, Dom Joseph Rayappu, e por algumas autoridades locais. No Santuário, foi feita uma oração a Maria pela consolidação da paz no país, alcançada em 2009 ao término de um conflito de trinta anos.

Estavam presentes no momento de oração familiares de tamis e cingaleses, particularmente atingidos pela hostilidade.

No discurso, Francisco destacou, sobretudo, o auxílio de Maria Santíssima ao povo. “Nossa Senhora manteve-se sempre convosco. Ela é mãe de cada casa, de cada família ferida, de todos aqueles que estão procurando voltar a uma existência pacífica. Hoje, agradecemos-Lhe por ter protegido de tantos perigos, passados e presentes, o povo do Sri Lanka. Maria nunca esquece os seus filhos desta ilha esplêndida”.

Acesse:
.: Íntegra do discurso do Papa no Santuário de Madhu
.: Todas as notícias da viagem do Papa ao Sri Lanka e Filipinas

O Papa não deixou de lembrar os sofrimentos provocados pela guerra. Destacou a necessidade de pedir perdão pelos pecados e o mal que o Sri Lanka conheceu. No entanto, afirmou não ser fácil tal tarefa, e refletiu que tais sofrimentos só são compressíveis  à luz da cruz de Cristo.

papa 2

“Maria nunca esquece os seus filhos desta ilha esplêndida”, afirma o Papa no Sri Lanka / Foto: Reprodução CTV

“Só então podemos receber a graça de nos aproximarmos uns dos outros com verdadeira contrição, oferecendo e procurando um verdadeiro perdão. Neste árduo esforço de perdoar e encontrar a paz, Maria sempre está aqui a encorajar-nos, guiar-nos, levar-nos a dar mais um passo”, afirmou.

Segundo o Papa, Maria é exemplo concreto de que a humanidade pode perdoar os erros uns dos outros, pois ela soube perdoar “aos assassinos do seu Filho junto da Cruz, quando segurava nas mãos o corpo d’Ele sem vida”.

“Assim agora Ela quer guiar os srilanqueses para uma maior reconciliação, de tal modo que o bálsamo do perdão de Deus possa produzir verdadeira cura para todos”, disse o Papa.

Encerrando seu discurso, o Pontífice pediu a ajuda de Nossa Senhora para que os cidadãos do Sri Lanka consigam reconstruir a “unidade perdida”. “Peçamos que este santuário possa ser sempre uma casa de oração e um refúgio de paz”, concluiu.

Santuário de Madhu

Em 2001, a imagem de Nossa Senhora foi levada em peregrinação, ao longo de todo o ano, por todos os cantos do Sri Lanka. E depois de sangrentas batalhas, iniciaram em 2004 as negociações de paz que se concluíram em 2009, com a fim definitivo da guerra. Por isso, os srilankeses veem em Nossa Senhora de Madhu um símbolo de paz.

O Santuário de Nossa Senhora do Rosário em Madhu fica ao norte do Sri Lanka e é a primeira vez que um Papa visita essa região do país.

    Francisco reza diante da imagem de Nossa Senhora de Madhu / Foto: Reprodução CTV

Francisco reza diante da imagem de Nossa Senhora de Madhu / Foto: Reprodução CTV


adailton

Adailton Batista é missionário da Comunidade Canção Nova desde 2009. Nasceu na cidade de Janaúba, MG. Atua como Gerente de mídias sociais e produtor de conteúdo do portal cancaonova.com. Estudante de jornalismo na Faculdade Canção Nova, é também autor do blog.cancaonova.com/metanoia.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo