Clínicas clandestinas

Polícia fecha duas clínicas de aborto no Rio de Janeiro

Uma vitória em favor da vida. Depois de meses de investigações, duas clínicas clandestinas de aborto foram fechadas, nesta quinta-feira, 13, em Botafogo, na Zona Sul do Rio de Janeiro, durante operação da Polícia Civil.

Em um dos locais, os agentes prenderam em flagrante um médico e detiveram funcionários da clínica e mulheres que aguardavam para realizar aborto.

Uma das vítimas, que estava sendo preparada para o procedimento, foi encaminhada para o Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea, também na zona sul. Uma grande quantidade de materiais para a realização de abortos foi apreendida em uma das clínicas para perícia. De acordo com a polícia, o médico preso na operação já possuía outras ocorrências em sua ficha criminal.

Os dois estabelecimentos já foram alvos de outras investigações. De acordo com a polícia, cada cirurgia custava em média mil reais.

Conteúdo acessível também pelo iPhone – iphone.cancaonova.com

Comentários

comentários

↑ topo