Imprudência

Infrações de trânsito crescem 12% na maior cidade do Brasil

De acordo com a CET – Companhia de Engenharia de Trânsito de São Paulo, o total de multas aplicadas em 2008, na capital paulista, é de 4.679.954. O número é 12,11% maior que as ocorrências registradas em 2007, quando foram emitidas 4.174.432 multas de trânsito.

As ocorrências mais comuns e fáceis de serem flagradas, principalmente na área central da cidade, são a utilização de estacionamento proibido, o uso do telefone celular durante a condução do veículo, a não utilização do cinto de segurança e o avanço de sinal vermelho.

A ocorrência campeã de multas é o avanço de sinal vermelho. A CET ainda não tem computado os números deste ano, mas em 2008, foram aplicadas 306.918 multas contra 191.002 registradas em 2007. O aumento de notificações foi 60,69% maior e serve para mostrar que a imprudência dos motoristas de São Paulo está aumentando.

Para os pedestres, este tipo de imprudência ao volante provoca sustos constantes e, muitas vezes, termina em história trágica. O auxiliar de escritório, Ivander Martins, lembra que já foi surpreendido várias vezes, quando atravessava a faixa de segurança próximo a Praça da Sé. "Uma vez um carro freou bem perto de mim. Inclusive, já perdi um amigo que foi atropelado quando atravessava a faixa e o sinal estava vermelho para os carros”, completa Ivander.

A segunda infração mais cometida pelos motoristas paulistanos é a utilização de telefone celular no trânsito. Ao todo foram aplicadas 373.455 multas em 2008. O aumento neste tipo de imprudência é 47,48% maior que em 2007, quando 253.220 motoristas foram flagrados pelos fiscais do CET. 

Alguns motoristas reclamam que a grande quantidade de veículos na capital paulista (mais de seis milhões) diminui a quantidade de vagas, principalmente na área central da cidade e acaba forçando que o estacionamento proibido seja utilizado. Para Max da Silva, este é um problema sério. "A cidade não tem vaga pra tanto carro e, quando vemos, já está parado num local onde não é permitido estacionar. É preciso pensar numa estratégia para minimizar a situação", conclui o autônomo. 

As ocorrências por estacionamento em local proibido aumentou 33,89% no ano passado. Em 2007, foram aplicadas 739.878 multas por estacionamento proibido. Já em 2008, o número subiu para 990.621, o que comprova que as leis de trânsito na capital paulista não estão sendo respeitadas.

Vale lembrar que estacionar em local proibido pode render uma multa que varia de R$53,20 a R$127,69 e a perda de 3 a 5 pontos na carteira.

Conteúdo acessível também pelo iPhone – iphone.cancaonova.com

Comentários

comentários

↑ topo